AGROECOLOGIA E A PRODUÇÃO DE ALIMENTOS SAUDÁVEIS




A agricultura familiar representa uma significativa parcela do contingente de estabelecimentos agrícolas do Brasil. Segundo dados do censo agropecuário (IBGE, 2017), 77% dos estabelecimentos e 23% da área agrícola do país, corresponde à agricultura familiar. Conforme Matias (2015), essa discrepância se dá, pois apesar de ser a fonte de renda de inúmeras famílias brasileiras e ser de extrema importância para a economia local, há falta recursos imprescindíveis para a potencialização da produção dos pequenos agricultores.

A história é marcada por diversos acontecimentos que proporcionaram investimentos no que diz respeito ao setor agrário do país, no entanto, poucos se preocuparam com a disseminação dos pacotes tecnológicos a todos os produtores, transformando-se em ações inacessíveis. Dessa forma, a realidade atual é que temos a agricultura familiar representando uma importante atividade para a disponibilização de alimentos adequados à população, ao mesmo tempo que é pouco valorizada no meio institucional.

Por esse motivo, foi necessário pensar em formas de inserir de maneira mais justa o pequeno agricultor aos avanços tecnológicos, e a partir disso, surgiu a Agroecologia.

Conceito e Princípios da Agroecologia

A agroecologia possui diversos conceitos, sendo muitos equivocados, uma vez que enxergam esse campo de estudo como um modelo de agricultura. No entanto, segundo Caporal e Costabeber (2004), a agroecologia define-se como um enfoque científico capaz de pensar em processos de transição do sistema de agricultura atual para um que favoreça o desenvolvimento sustentável.

Assim, compreende-se que as práticas envolvidas para o desenvolvimento sustentável da agricultura familiar, se dá por meio da modificação do modelo de produção atual e no melhoramento deste para mitigação dos impactos causados ao meio ambiente.

Como exemplo de ação prática convencional prejudicial, tem-se a monocultura, adotada pelo agronegócio, e que é uma grande responsável por causar diversos impactos sociais, econômicos e ambientais aos ecossistemas. Impactos esses que podem ser, pelo uso de agrotóxicos, consumo excessivo da água, e também por estar vinculada ao incentivo às cadeias de longa distância.

Todos esses aspectos são muito pertinentes, onde provocam uma série de outros efeitos negativos ao meio em que vivemos. Por isso, a agroecologia se transforma em uma alternativa para contornar a situação, uma vez que as bases ecológicas utilizadas terão o objetivo de produzir alimentos saudáveis e sustentáveis.

Agroecologia e Alimentação Saudável


Outro viés para o entendimento da agroecologia, se dá com a representação de técnicas e conceitos capazes de produzir alimentos agropecuários de base familiar, por meio de métodos capazes de oferecer uma alimentação saudável e natural. Sendo assim, o princípio básico da agroecologia refere-se à relação racional com os recursos naturais.

A produção de alimentos saudáveis está sendo uma demanda muito importante na atualidade, uma vez que a preocupação com os malefícios causados pelo consumo de alimentos ultra processados prevalecem por parte da população. Dessa forma, pensar em dietas sustentáveis é também pensar em formas acessíveis, saudáveis e ambientalmente corretas de produzir os alimentos, e por isso a agroecologia se torna mais uma vez, um caminho de alteração do cenário problemático atual.

Palavras-Chave: “Agricultura familiar”; “Alimentação saudável”; “Base agroecológica”


Quer nos referenciar?

MERCÊS, A. ESA Jr. Agroecologia e a Produção de Alimentos Saudáveis, 2021. Disponível em: https://www.esajr.com/blog



REFERÊNCIAS:


ALMEIDA, J. A. F. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Agroecologia, 2012. Disponível em: https://www.gov.br/agricultura/pt-br/assuntos/ceplac/publicacoes-outras-cadeias/agroecologia-2012. Acesso em 26 de set. de 2021.


INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). Censo Agro 2017. Disponível em: https://censos.ibge.gov.br/agro/2017/. Acesso em 26 de set. de 2021.


MATIAS, A. A relação entre a agricultura familiar e a agroecologia. JusBrasil, 2015. Disponível em: https://augustommatias.jusbrasil.com.br/artigos/260980822/a-relacao-entre-a-agricultura-familiar-e-a-agroecologia. Acesso em 26 de set. de 2021.


CAPORAL, F. R.; COSTABEBER, J. A. Agroecologia: alguns conceitos e princípios.

24 p. Brasília, 2004. Disponível em: https://www.organicsnet.com.br/site/wp-content/uploads/2021/04/Agroecologia-alguns-conceitos-e-principios-CI-Organicos-SNA-OrganicsNet.pdf. Acesso em 23 de set. de 2021.


1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo