O que é a Bioarquitetura?


Você quer entender e saber mais sobre a bioarquitetura? Esse artigo é conduzido para te ajudar a se informar e sanar as suas dúvidas sobre o assunto em questão.


Com o crescimento das cidades, houve um aumento significativo nos impactos negativos para o meio ambiente. Nesse contexto, existe uma conscientização ecológica na construção civil que utiliza de recursos e técnicas que tornam as edificações, sejam de grande, médio ou pequeno porte, mais sustentáveis. A bioarquitetura procura, por meio de alternativas ecológicas, juntar a arquitetura e a natureza, de forma que haja baixas consequências ambientais e custos operacionais reduzidos. Isso ocorre através da utilização de matérias primas naturais e provenientes de fontes renováveis e recicláveis.


Diante ao exposto, é necessário expor alguns dados sobre o panorama atual da indústria de construção: •Consome de 30% a 50% dos recursos naturais do planeta.

•Consome de 50% de energia produzida.

•Causa poluição do ar e chuva ácida.

•Poluição e esgotamento dos recursos hídricos e recursos não renováveis.

•Desmatamento das florestas nativas, entre muitas outras coisas.


Também é preciso mostrar dados de construções com materiais naturais e sustentáveis:

•Dá preferência aos “5 Rs”: Repensar, recusar, reduzir, reutilizar e reciclar.

•Evita utilizar materiais tóxicos.

•Valoriza o material local.

•Busca técnicas inteligentes de utilização de materiais de mercado industriais.

•Racionaliza o uso de água.

•Utiliza de energias de fontes renováveis – Solar, eólica, biodigestor, entre outras.


Para que a bioarquitetura exista de forma planejada e eficaz é necessário que antes sejam estudados os ventos, as riquezas naturais do terreno (para que haja o máximo de aproveitamento dos recursos) e a insolação. Esses fatores contribuem para que haja o controle da temperatura e da umidade do ambiente interno da casa, sendo um benefício para o morador dessa residência, pois influencia, de forma direta, na saúde do mesmo e na economia de energia.


Nesse sentido, existem dois projetos importantes que a nossa empresa oferece para deixar seu local de residência mais sustentável, como:

•Captação de água que consiste na coleta e uso de água da chuva, utilizada para fins não potáveis (irrigação dos jardins, limpeza geral dos prédios, uso nas bacias sanitárias…). O principal ponto do projeto é a economia de água potável e, consequentemente, uma redução na conta de água.

•Compostagem que é uma adubação orgânico natural. Essa técnica permite enriquecer o solo, além de ser uma forma de reduzir o volume de lixo produzido pela população ao dar um destino correto a esses resíduos que se acumulariam em lixões e aterros.


Com isso, há uma grande economia já que os materiais utilizados na construção são reaproveitados e mais baratos, e são eficientes também, ajudando com um menor custo quanto a manutenção estabelecimento.


Está pensando em implantar a bioarquitetura ou tornar o seu ambiente mais ecológico? Que bom, você não precisa fazer isso sozinho(a), a gente pode te ajudar! Entre em contato clicando aqui que ajudaremos.


Autoria: Maria Eduarda

Bacharelanda em Engenharia Sanitária e Ambiental - UFBA



Quer nos referenciar? EDUARDA, Maria. Esa Jr. O que é a Bioarquitetura?. 2020. Disponível em: https://www.esajr.com/post/o-que-é-a-bioarquitetura


Referências:


LIMA, francisco. Bioarquitetura. Disponível em <http://sni.org.br/fraternidade/download/2016/meio-ambiente/bioconstrucao/palestra-bioarquitetura-xico-lima.pdf> acesso em 2016.


REDAÇÃO SUSTENTARQUI. Projeto responsável: inspiração e exemplo de bioarquitetura. Disponível em <https://sustentarqui.com.br/projeto-responsavel-bioarquitetura/> acesso em 16/05/2016.


NAKAMURA, juliana. CONHEÇA A BIOARQUITETURA E ENTENDA COMO APLICÁ-LA AOS SEUS PROJETOS. Disponível em <https://www.buildin.com.br/bioarquitetura/> acesso em 08/11/2019.


10 visualizações

marketing@esajr.com

Whatsapp: +55 (71) 99276-4373

Horário de funcionamento: 08h - 17h​

Escola Politécnica da UFBA, 3º andar. Rua Aristides Novis, nº 2, Federação.

  • Facebook
  • LinkedIn - Black Circle
  • Instagram