4 Dicas sobre Marketing Verde

Atualizado: Jul 14




O que é Marketing Verde e qual a sua diferença da convencional?

Marketing verde é uma estratégia de marketing focada em ações que beneficiem o meio ambiente.

A principal diferença entre o marketing ambiental e o convencional é que enquanto o convencional envolve a oferta de produtos que satisfaçam os consumidores, o ambiental vai além disso, nele, os consumidores desejam encontrar a qualidade ambiental nos produtos e serviços que adquirem.

Qual a sua vantagem?

Além de trazer inúmeros benefícios ao meio ambiente, o marketing ecológico agrega valor à marca da empresa, melhora sua visibilidade, aumenta a credibilidade da marca, cria um diferencial competitivo, traz simpatia do consumidor e chama atenção daqueles considerados consumidores verdes que são consumidores com consciência ambiental. Segundo pesquisa, 55% dos consumidores frequentemente ou sempre preferem marcas reconhecidas por cuidar do meio ambiente, e por isso, as empresas estão cada vez mais aderindo ao green marketing. Ademais, o marketing ecológico também pode contribuir para a diminuição de custos na empresa e o aumento dos lucros.

4 Dicas sobre marketing verde

  1. Reciclar e reaproveitar materiais.

A reciclagem é um processo de converter o desperdício de materiais ou produtos de potencial utilidade. A reciclagem de resíduos sólidos pode ser feita por meio da separação dos mesmos podendo ser reutilizados futuramente.

Quais os benefícios?

A diminuição da produção de “lixo”, diminuição da matéria-prima e poupa água e energia. Assim, há o reaproveitamento dos recursos retirados do meio natural, diminuindo a degradação do meio ambiente. Para que os resíduos possam ser reutilizados, eles devem ser classificados e caracterizados por meio de suas características. Por isso, é importante a separação adequada do “lixo”. Para isso, a empresa deve estar atenta aos descartes corretos.

2. Usar fontes de energias ecológicas

São energias elétricas originadas de fontes renováveis que não gerem impactos ao meio ambiente. O uso de fontes de energias ecológicas como a utilização de placas solares, que estão sendo cada vez mais comuns, é um exemplo de fonte de energia ecológica essencial à empresa.

Quais os benefícios?

Além da diminuição do gasto de consumo de energia que provém de fontes que a fornecem, a empresa virá a ter lucro a longo prazo. E a placa solar, por exemplo, é um recurso que não traz malefícios ao meio ambiente. Optar por esses tipos de energias contribui, a longo prazo, nos índices de poluição e de gases do efeito estufa e muitos outros fatores naturais que acabam sendo afetados por outros tipos de fontes de energias.

  1. Redução de produtos não-biodegradáveis

Produtos não-biodegradáveis, tem em sua composição, petróleo. Isso acaba fazendo com que haja liberação de produtos tóxicos ao meio ambiente desde o processo de fabricação até a sua decomposição. A substituição de sacolas plásticas é um exemplo de ecomarketing que tem sido usado por muitas empresas. A redução ou extinção da utilização de produtos não-biodegradáveis também pode ser uma solução bastante viável, como embalagens de plásticos.

E quais os benefícios?

O principal benefício é a menor utilização dos recursos naturais que são retirados da natureza para que sejam feitos os produtos. Devido ao fato de serem orgânicos, eles permitem que os agentes biológicos naturais façam sua decomposição completa. Dessa forma, eles beneficiam o meio ambiente, pois não afetam os ciclos de vida e, também evitam a contaminação do solo, de rios e dos mares.

  1. Economia de água

A economia de água é um tema que tem sido bastante discutido e não há dúvidas de que merece bastante atenção. A economia de água pode ser feita pela troca de torneiras tradicionais, por cisternas, redutores de vazão entre tantos outros.

Quais os benefícios?

A preservação da água potável do planeta é de extrema importância, visto que, a água é utilizada para beber, para produzir alimentos, para produzir energia elétrica e sua escassez, com certeza, traria muitos prejuízos e instabilidades no mundo e atingiria todos os setores da economia. Por tanto, é mais do que importante, a economia de água não só das empresas, mas de todos os que habitam na Terra.


Esses são alguns exemplos de marketing verde, contudo, há tantos outros que podem ser pensados e criados a depender do ramo e que podem ser incorporados em vários setores. O essencial é a criatividade para pensar em outras maneiras de diminuir o impacto do meio ambiente e conciliar com os objetivos que querem ser alcançados pela empresa.



Quer nos referenciar?

OLIVEIRA, Lílian. ESA Jr. 4 Dicas sobre marketing verde. 2021. Disponível em: https://www.esajr.com/post/4-dicas-sobre-marketing-verde



Referências

GABRIEL, Lucas. Marketing Verde: O que é e por que ele pode ajudar a melhorar a imagem da sua empresa!. Rockcontent ,2018. Disponível em: https://rockcontent.com/br/blog/marketing-verde/. Acesso em 30 de abril de 2021.


D’ÂNGELO, Pedro. Sustentabilidade: Os consumidores estão preocupados com ações sustentáveis?. Opinion Box, 2019. Disponível em: https://blog.opinionbox.com/pesquisa-de-mercado-sustentabilidade/. Acesso em 30 de Abril de 2021.


OLIVEIRA, Luciano Aparecido. Marketing Ambiental Como Estratégia De Mercado. Revista Científica Multidisciplinar Núcleo do Conhecimento. Ano 03, Ed. 11, Vol. 06, pp. 172-188 Novembro de 2018. ISSN:2448-0959. Disponível em: https://www.nucleodoconhecimento.com.br/marketing/marketing-ambiental. Acesso em 30 de Abril de 2021.


5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo